Curso de Guitarra Online - Extreme Guitar™ EVO

Evolua na guitarra e toque como os guitarristas que você mais admira praticando apenas 15 minutos por dia

Descubra como eu fiz para conseguir tocar todas as músicas que eu gosto, até mesmo as mais difíceis, sem precisar moer os dedos, praticando apenas 15 minutos por dia.

E aí tudo bom? Meu nome é Roger Franco, professor e guitarrista há mais de 20 anos, e quero começar nossa conversa falando do Anderson Silva, um dos maiores lutadores de MMA do mundo e recordista do UFC.

Mas você deve estar se perguntando: "O que o Anderson Silva tem a ver com a sua maneira de tocar guitarra?"

Fique comigo que você vai descobrir porque ele é o segredo para você tocar como os melhores guitarristas do Brasil praticando poucos minutos por dia.

Eu sei que parece loucura, mas mesmo que você acredite que é impossível tocar como seus ídolos na guitarra, eu te garanto que até o final dessas linhas você vai descobrir o que precisa fazer para atingir o mesmo nível técnico deles.

E mais... para alcançar o nível técnico de um guitarrista profissional você não precisa tocar 6 ou 8 horas como dizem por aí.

Na verdade tocar todos os dias, tantas horas seguidas pode fazer você regredir porque você pode ter uma lesão que vai te afastar da guitarra por meses.

Mas só para deixar claro o que eu vou te ensinar agora não é teoria, não é um conjunto de exercícios aleatórios e também não é uma forma de evoluir sua técnica magicamente.

Isso aqui é real, aconteceu comigo, aconteceu com meus alunos de guitarra e vai acontecer com você também:

Eu sei bem o que é querer tocar uma música e não conseguir. A gente se sente frustrado, incapaz e até mesmo derrotado. E acabamos desistindo e deixando ela de lado.

Mas não precisa ser assim. Por isso…

Você está no lugar certo!

Veja alguns resultados de pessoas comuns como você que se tornaram guitarristas profissionais

Carlos Oliveira

Ygor Keerki

Natan Campos

Vilson Oga

Bruno Silva

Bernard Mesquita

*Esses são alunos que se dedicaram 15 minutinhos e seguiram as instruções do método.

Eu sei que tudo isso parece ser algo inalcançável para você, mas vou provar o contrário. Vou provar como você pode alcançar o mesmo nível técnico desses guitarristas acima e, principalmente, dos guitarristas que você mais admira.

Vou te mostrar também como se tornar capaz de tocar qualquer música, independente do nível de dificuldade dela.

E quem sou eu e por que você deve acreditar em mim?

Bom, se você ainda não me conhece, eu sou Roger Franco e faço parte das bandas Freedom e 4Action que conta com algum dos melhores músicos do País, como o baixista Felipe Andreoli, do Angra, o baterista Alexandre Aposan, que já tocou na Oficina G3, e o guitarrista e produtor musical Sydnei Carvalho.

Viajo toda semana para um lugar diferente, incluindo outros países para realizar shows, workshops, gravações, compor e testar equipamentos feitos exclusivamente para mim.

Sou patrocinado por marcas globais como Tagima, Nig, Meteoro, entre outras.

Hoje trabalho com que eu amo e nem nos meus melhores sonhos poderia imaginar uma vida melhor do que a que eu tenho hoje.

E agora me sinto na obrigação de retribuir essa graça que deus me deu e te mostrar como você pode também:

Mas antes de continuar você precisa entender uma coisa super importante!

Lembra do Anderson Silva que eu falei no início da nossa conversa? Assim como ele, eu e você não nascemos com nenhum dom especial.

Você pode achar que os melhores guitarristas do mundo têm algum talento que você não tem…

Mas eu posso afirmar pra você que isso é um mito, é uma mentira que te contaram.

Em 1998 eu entrei pela primeira vez em um estúdio profissional para fazer uma gravação. Era a gravação do CD uma banda que eu tocava na época.

Naquele ano eu já ganhei alguma graninha como guitarrista e achava que o meu nível técnico na guitarra era bom o suficiente.

Mas no primeiro dia de gravação, na primeira música, o produtor disse: "Roger você está errando. Vamos de novo?"

Eu repeti a música mais umas 10 vezes até o produtor ficar satisfeito e mesmo assim eu achava que não tinha ficado muito bom na primeira passagem, mas ele ficou, vamos dizer, satisfeito, aceitável.

Então eu fui gravar o solo que era a parte mais difícil da música. Eu repeti uma duas, três, sete, oito, dez vezes. Repeti esse solo por horas, tantas vezes que até perdi a conta. Repeti até os meus dedos começaram a ficar machucados.

A banda pagava o estúdio por hora, então cada minuto a mais que eu ficava por ali, por causa dos erros, era mais grana que a banda irá gastar.

A minha sorte é que o produtor era meu amigo. Se fosse um produtor que eu não conhecesse ele teria arrumado um outro guitarrista para gravar, com certeza.

Mas com muito custo e vários dias de gravação depois consegui finalizar as gravações de guitarra. Quando terminamos tive que ficar uns dias sem tocar por causa das dores nos dedos causadas pelas repetições.

Na época eu poderia botar a culpa no produtor, achar que ele era chato, exigente demais, mas a verdade é que eu não tocava nem a metade do que eu achava que tocava.

Depois dessas gravações, durante os shows da banda, eu comecei a perceber todos os erros que o produtor apontou para mim durante a gravação do CD.

Naquele momento eu me dei conta que precisava melhorar muito a minha técnica, não só por causa dos shows e das gravações, mas porque se eu continuasse naquele nível em qualquer lugar que eu fosse tocar eu iria cometer os mesmos erros.

E além de errar, eu descobri que também tinha um som sujo. As notas não saíam com definição. Às vezes ficavam emboladas. Resumindo: o som que eu tirava na guitarra era feio.

Mas esse nem era o maior problema. O maior problema era que eu praticava muito. Eu treinava várias horas por dia. Então não entendia porque estava tocando mal. Não fazia sentido.

Eu tinha aprendido que quanto mais tempo eu passasse com a guitarra na mão melhor eu iria tocar. Mas naquele momento eu descobri que isso é uma outra mentira!

Você não precisa treinar durante horas para evoluir na guitarra

Isso não importa se você praticar 24 horas por dia. Se você estiver tocando da maneira errada seu som vai continuar no mesmo nível e você nunca vai alcançar o nível técnico dos guitarristas que você admira.

Poucas pessoas sabem disso, mas assim como Anderson Silva eu também pratico jiu jitsu e como todas as artes marciais, no jiu jitsu você não precisa treinar várias horas todos os dias para evoluir e trocar de faixa.

Geralmente você pratica durante uma hora, três vezes por semana e isso é o suficiente pra você evoluir constantemente e progressivamente.

Então eu saquei que na guitarra, assim como nas artes marciais, e em qualquer esporte você precisa de 4 coisas para evoluir:

A grande dificuldade dos músicos é essa. Falta um mentor. Alguém para orientar, para ficar dando aquela lapidada: "não por aqui não, vem por aqui". Isso faz toda a diferença.

Na música meu primeiro bom treinador foi aquele produtor do CD que eu falei.

Depois de entender isso e descobrir o que eu precisava para evoluir, meu problema passou a ser outro.

Eu consegui manter a regularidade e a disciplina, estabelecendo horários fixos para estudar…

Mas eu ainda não tinha nenhuma das outras coisas. Eu era autodidata. Aprendi tudo sozinho. Então, não sabia quais eram os melhores exercícios. A minha postura era baseada em achismo.

Eu não tinha um bom professor e também não tinha uma boa equipe. Foi quando comecei a procurar, a conhecer os melhores guitarristas da região e trocar experiências com todos. Depois de algum tempo essas ações melhoraram consideravelmente minha técnica.

Mas ainda faltava muito. Faltava um bom professor. Mas na minha região havia poucos guitarrista que eu admirava e os poucos que tinham ou cobravam muito caro para dar aulas ou nem davam aulas. E também faltava eu conhecer os exercícios certos.

Sendo adepto das artes marciais eu sabia que pra praticar maneira certa com a postura correta e estabelecendo uma boa rotina de treino com os melhores exercícios fariam toda a diferença.

Então comecei a buscar materiais em revistas, livros, videoaulas de guitarristas famosos principalmente daqueles que eu mais admirava. Mas nenhum material supria a minha necessidade, porque:

Eu só encontrava técnicas avulsas ou fragmentos do que eu precisava. Nenhum material tinha um início, meio e fim. Então...

A única alternativa que eu tinha na época era desenvolver meu próprio método

Eu comecei testando e separando os melhores exercícios que encontrava. Depois eu adicionava eles no cronograma de estudos diário e estabelecia uma rotina de treinos.

Eu compartilhavam o que funcionava com os melhores guitarristas da região e pedia opinião deles para saber onde podia melhorar.

Depois comecei a criar meus próprios exercícios e aprimorar a minha rotina de treinos para aproveitar o máximo de tempo que eu tinha disponível para tocar.

Pouco tempo depois estudando com disciplina e usando um método que eu havia criado eu tive uma evolução muito acelerada e percebi que o que eu tinha criado não era um método qualquer.

Aquele era o método que iria me transformar de um guitarrista mediano para um guitarrista de alto nível capaz de tocar sem errar, com o som limpo, capaz de tocar qualquer música independente se ela tinha um solo muito rápido ou acordes muito difíceis.

Um guitarrista que iria pegar a guitarras saber o que fazer. Que não ia passar vergonha com ela, que é o nível que todo o guitarrista deveria chegar.

Nenhum músico estuda para tocar mais ou menos. A gente estuda para fazer um show, para fazer uma apresentação, para tocar na igreja, pra gravar uma música.

Nenhum desses momentos a gente deveria tocar com o som sujo errando notas sem precisão ou sem resistência nas mãos e nos dedos para tocar bem durante várias horas seguidas.

E foi seguindo à risca esse método que eu criei que eu consegui sair desse nível mais baixo. Minhas apresentações começaram a chamar mais atenção e outras oportunidades começaram a surgir.

À medida que eu estudava de maneira certa e evoluía, meu trabalho começou a ser mais reconhecido e pouco tempo depois eu já estava tocando em bandas reconhecidas nacionalmente e fazendo shows para mais de 20 mil pessoas.

Os convites para fazer workshops e patrocínios começaram a surgir. Eu tive a honra de estar na lista dos 70 mestres brasileiros da guitarra e do violão, segundo a revista Rolling Stones.


Em todos esses anos eu nunca parei de evoluir e de aprimorar meu método de estudo.

São mais de 20 anos atualizando os exercícios e o cronograma

Sempre buscando aproveitar o máximo do meu tempo e obter os resultados cada vez melhores e o mais rápido possível.

É justamente este método que vou te ensinar hoje. Meu método é dividido em cinco partes:

Aqui não dá para detalhar tudo porque cada parte do método tem entre 14 e 16 exercícios específicos para cada parte.

Todos os exercícios estão dentro de um cronograma, de uma rotina de treinamento que demorei anos para criar e aprimorar.

E hoje essa rotina de treinamento requer apenas 15 minutos por dia para elevar seu nível técnico

Isso mesmo. Hoje essa rotina de treinamento requer apenas 15 minutos por dia, de segunda a sexta, para elevar o nível técnico de qualquer guitarrista até o topo.

Esse método revolucionou a minha maneira de tocar e funcionou tão bem pra mim que comecei a compartilhar ele com meus alunos de guitarra.

Alunos que hoje têm projeção nacional no mercado musical como Felipe Dias, que também é dono da escola de música Riff, e Bruno Mello que já tem dezenas de milhares de seguidores no youtube.

E hoje eu quero te dar a oportunidade de você também ter acesso a esse método.

Então se você quer tocar como seu ídolo na guitarra, se você trabalha e não tem tempo para tocar, se você quer ser capaz de tocar qualquer música, se você quer se destacar em suas apresentações e você quer evoluir em tempo recorde…

Este método é para você!

Este método é o Extreme Guitar EVO

E para compartilhar esse método com o máximo de guitarristas eu adaptei ele de maneira que possa ser ensinado através da internet.

O Extreme Guitar EVO foi construído com o objetivo de elevar sua técnica até o mesmo nível da técnica dos guitarristas que você mais admira usando um cronograma extremamente prático e focado naquilo que você realmente precisa para ter grandes resultados estudando poucos minutos por dia.

E e esse método funciona tão bem que muitos dos meus alunos me enviaram vídeos agradecendo e falando como o Extreme Guitar EVO ajudou eles a tocar como os profissionais.

Além desses alunos milhares de guitarristas do Brasil e até fora dele já passaram pelo Extreme Guitar EVO. Guitarristas da Argentina, Estados unidos e até Japão.

E esse é um dos objetivos para eu compartilhar esse método com você!

Eu sei como é difícil dominar um instrumento como a guitarra. Tocar ela de qualquer jeito é fácil, mas realmente dominar o instrumento e tirar dela um som que vai impressionar quem está escutando não é nada fácil.

Eu senti isso na pele. E hoje o que eu puder fazer para ajudar pessoas que estão passando pelo mesmo que eu passei eu vou fazer.

Você não precisa se matar para criar seu método próprio, garimpando vídeos na internet. Você vai demorar anos para evoluir se fizer isso.

Então deixa eu te ajudar a encurtar o seu caminho e acelerar sua evolução!

Se na época que eu comecei eu tivesse estudado através de um método simples e completo como é Extreme Guitar EVO eu teria evoluído no mínimo três vezes mais rápido.

Tenho certeza absoluta disso!

O Extreme Guitar EVO não é um método normal. Ele foi desenvolvido durante meus 20 anos como guitarrista e lapidado através de atualizações constantes baseadas nas sugestões de milhares de alunos que já passaram por ele.

E o principal diferencial desse método é o cronograma de 15 minutos.

Esse cronograma fez tanto sucesso no meio musical, que músicos renomados também criaram métodos semelhantes baseados no Extreme Guitar EVO e hoje tem orgulho de afirmar que o Extreme Guitar EVO está influenciando o ensino da guitarra no nosso País inteiro.

Vale lembrar que o Extreme Guitar EVO é um método original e é o único baseado em um cronograma de 15 minutos por dia que foi testado e aprovado por mais de 3 mil guitarrista no Brasil e fora dele.

E agora você deve estar se perguntando…

Como funciona o acesso ao Extreme Guitar EVO?

É muito simples. Você entra com seu login e senha em nossa plataforma e já tem seu acesso a todo o conteúdo em videoaula. Você pode acessar o seu smartphone, tablet, PC, de qualquer lugar onde tem internet.

Todas as aulas estão em Full HD com a melhor qualidade, com os melhores ângulos pra você absorver o máximo do conteúdo. E você ainda tem acesso a todas as transcrições das aulas.

Abaixo de cada aula você pode deixar também a sua dúvida e eu vou te responder. É como se eu estivesse ali do seu lado.

E se você tiver qualquer dificuldade sobre o acesso ou a utilização da plataforma de ensino você conta com nosso suporte pra te ajudar, bastando enviar um whatsapp ou e mail para tirar suas dúvidas.

Alguns me perguntam se esse curso também funciona para quem está iniciando. Funciona sim. Quando você está iniciando, você precisa de técnica para tocar a parte rítmica, a parte dos acordes, a partir das primeiras escalas, de frases. Você precisa disso para dominar esse início também.

Por outro lado se você já toca bem, você vai passar desse nível para o próximo, e Extreme Guitar EVO vai te entregar tudo isso.

Eu tenho certeza que agora você quer saber….

Qual será o seu investimento para ter acesso ao Extreme Guitar EVO

Bom. Se eu fosse cobrar equivalente às aulas presenciais, o treinamento não sairia por menos de R$ 2.500,20 reais porque precisaria de pelo menos 18 aulas para te passar tudo.

Mas além do treinamento ser através da internet, também me sinto na obrigação de retribuir a bênção de poder trabalhar com que eu amo.

Por esses motivos vou te dar uma oportunidade única.

Ao invés de investir mais de R$ 2.500 reais para atingir o ápice da sua técnica na guitarra, eu vou fazer uma condição especial para você:

Você poderá garantir o seu acesso ao Extreme Guitar EVO agora por apenas 12 parcelas de 19,90.

Isso mesmo. Você não entendeu errado. São apenas 12 parcelas de 19,90. Se você fizer as contas isso dá menos de 70 centavos por dia.

E além do Extreme Guitar EVO eu ainda vou te dar 3 bônus para você se inscrever agora.

Você vai ganhar gratuitamente esses 3 Bônus

Então para não perder essa oportunidade clique no botão aqui abaixo e entre para o time do Extreme Guitar EVO.

E vou te dar uma garantia incondicional. Risco zero

Você terá 30 dias para avaliar se o Extreme Guitar EVO é para você. Se você não gostar do curso basta enviar um e-mail e pedir seu reembolso.

Eu vou reembolsar 100% do seu investimento, sem complicação e continuaremos amigos.

Na prática é como se você tivesse um período de teste de 30 dias. Eu vou te dar essa garantia porque tenho plena convicção da qualidade do Extreme Guitar EVO.

Resumindo: não tem risco para você porque além da garantia de 30 dias você terá toda atenção que precisar.

Então não espere nem mais um minuto!

Clique no botão abaixo e garanta o seu acesso ao Extreme Guitar EVO.

Para evoluir não basta apenas ter vontade, você precisa tomar uma decisão e estudar guitarra usando o método que eu criei, aprimorei durante anos e que é, na minha opinião, uma das melhores decisões que você pode tomar agora.

Obrigado por estar comigo até aqui e eu te espero dentro do Extreme Guitar EVO.

Aviso: Qualquer informação presente no site "Conhecimento em Casa" e de seus produtos, não devem ser considerados como um ganho comum, ganho exato ou promessa de sucesso. As dicas e sugestões do site Conhecimento em Casa não garantem resultados, uma vez que isso depende exclusivamente do trabalho e dedicação individual de cada um. Todas as informações dos visitantes, como nome e e-mail, são protegidas, e não serão compartilhadas, divulgadas, ou vendidas para terceiros. Ao se registrar neste site, o usuário cadastrado poderá receber outras promoções de cursos sobre música.